domingo, maio 30, 2010

ZICO É CONFIRMADO COMO O NOVO EXECUTIVO DE FUTEBOL DO FLAMENGO


Galinho confirma volta ao clube para comandar todas as divisões. Exigência de não ser remunerado pelo clube foi viabilizada por patrocinadores

zico, entrevistaZico acertou volta após reunião de três horas
Zico acertou neste domingo sua volta ao Flamengo. Após uma reunião de três horas de duração com a presidente Patrícia Amorim no Centro de Futebol do CFZ, ele confirmou que vai assumir a direção executiva de futebol, incluindo as divisões de base.
- É verdade. A Patrícia me procurou e estou voltando, mas por enquanto não vou comentar nada. Só na terça-feira. Espero colocar o Flamengo no lugar onde ele merece. Trabalhar pela conclusão do CT e formar um time forte - disse ele ao GLOBOESPORTE.COM. 
Uma das exigências de Zico era não ser remunerado pelo clube, o que foi viabilizado com patrocinadores como a Olympikus e o BMG. Ele fica até o término da gestão da Patricia Amorim. O anúncio oficial deve ser na terça-feira.
Vice-presidente de futebol, Hélio Ferraz comemorou o acerto.
- É um motivo de orgulho para qualquer rubro-negro. Mas prefiro me pronunciar somente após a presidente, até por questão de hierarquia – disse.

sexta-feira, maio 28, 2010

PERDI UM AMIGO

ESTA É UMA DAS NOTICIAS QUE NÃO GOSTARIA DE DAR !!!
 FALECEU NESTA MADRUGADA MEU GRANDE AMIGO, 
FRANCISCO VIEIRA PINTO


PACHICO!!!!!!!!!!

quinta-feira, maio 27, 2010

BLITZ ECOLÓGICA


A SEMACE, está em Crateús fazendo uma Blitz Ecológica, está medindo o nível de poluição dos Carros, e não se preocupa com o Rio Poty , ela mesmo autorizou a construção de uma estação de tratamento da CAGECE, dentro do Rio Poty, antes tinha autorizado o funcionamento da Ecodisel depois voltou atrás. mais como tudo começa por Crateús e estamos em ano de eleição.

Viva o Planeta Terra !!!!!!!!!!
Bem que poderíamos começar por Ibiapaba, já que poderá vir a ser Cidade, assim o povo já ficaria consciente com relação a poluição.

QUILOMBOLAS



Em novembro de 2008 foi publicado no jornal diario do nordeste o edital delimitando uma area de 8500 ( oito mil  e quinhentos hectares ) de terra no municipio de crateus para uma comunidade que se autodenominava quilombola , amparada pelo decreto 4887 de 2003.
O referido decreto permite que as comunidades quilombolas sejam reconhecidas apenas pela auto definição.

Conforme o edital publicado naquela oportunidade , as pessoas que tinham a posse destas terras situadas na area delimitada pelo Incra , em sua grande maioria documentada com escritura publica , teriam apenas 90 dias para contestar um laudo antropologico feito com o apoio e a participação direta do incra e a comunidade que se dizia quilombola.
Durante este periodo de noventa dias , varias mobilizações aconteceram, principalmente na região delimitada, uma grande audiencia publica foi realizada , reunião em brasilia aconteceu com presidente do INCRA e por fim o fato mais importante que foi a contestação do laudo antropologico  do incra-ce . Esta contestação foi feita dentro do prazo , onde as familias que se sentiam prejudicadas ,com o direto à propriedade ameaçado, constituiram advogados e entraram com 03 ( tres) açoes na area administrativa do INCRA _ CEARÀ . O INCRA  por sua vez tinha 180 dias para apresentar sua defesa ,ou seja ,dar um parecer através de sua procuradoria  para , a partir deste parecer ,se fosse favorável aos supostos quilombolas é que poderiamos entrar com uma AÇÃO JUDICIAL.
O fato é que já estamos em maio de 2010 e a procuradoria do incra ainda não encontrou elementos suficiente para justificar este suposto quilombo.
Um fato recente veiculado na midia nacional trás uma informação há muito esperada, que é o julgamento da ADIN 3239 agora em junho que foi encabeçada pelo então Min. Cezar Peluzo que hoje é o Presidente do Supremo Tdibunal Federal, contesta o decreto 4887.
Esperamos que justiça seja feita e o direito a propriedade seja respeitado .

obs. O processo quilombola de queimadas não saiu ainda nem da area administrativa do
INCRA. 

att.
Edmilson Providencia
Representante das Familias envolvidas no processo

CRATEÚS TEM PRIMEIRO VEREADOR ÍNDIO DO CE



O Índio Renato, da etnia Potiguara, toma posse, hoje, na Câmara de Vereadores do Município de Crateús
Crateús. Esta cidade está prestes a se tornar o primeiro Município do Ceará a ter um índio na Câmara dos Vereadores. Renato Gomes da Costa, conhecido e registrado como Índio Renato, ficou na primeira suplência da coligação "Crateús Feliz e de Todos" ao obter 639 votos, na última eleição. Com a licença do vereador Adriano das Flores, ele assumirá uma cadeira na Câmara. A posse acontece hoje, na Escola Diferenciada Raízes Indígenas.

Não é à toa que a posse acontecerá na Escola. É ali onde estudam muitas crianças e adolescentes, remanescentes dos indígenas das etnias Potiguar, Kalabaça, Kariri, Tabajaras e Tupinambá. É também onde Renato leciona e pratica, junto com sua mãe, Helena, que é a diretora, alguns rituais, como o toré, conhecida dança indígena. Além disso, é no Conjunto São José, local em que a escola é situada, onde reside grande parte dos 2.210 índios existentes em Crateús, cadastrados pela Funai.

Renato Gomes tem 34 anos, nasceu em Crateús e é descendente dos índios Potiguara, do vizinho município de Novo Oriente. Herdou da mãe o orgulho pela sua origem e a atuação no movimento indígena. Ela atuou durante muitos anos no movimento indígena e exerceu forte liderança junto ao seu povo. Atuou ainda nas Comunidades Eclesiais de Base, movimento da Igreja Católica, como coordenadora. Esteve, inclusive, nos idos de 80, na Europa divulgando a Teologia da Libertação.

Hoje ele é quem representa a família e o seu povo no movimento indígena. É o presidente da Associação Raízes Indígenas dos Potiguara em Crateús (Arinpoc) e é o coordenador da Articulação dos Povos Indígenas Nordeste, Minas Gerais e Espírito Santo (Apoinme). Devido a essas funções viaja pelo Brasil inteiro. Como vereador, pretende representar o povo indígena especialmente, mas também toda a população de Crateús.

"Para mim será um grande aprendizado, serei um aluno", diz, referindo-se à sua inexperiência na política parlamentar. "E jamais esconderei as minhas origens, pois tenho orgulho das minhas raízes e da nossa cultura". Ele usa acessórios que lembram a cultura indígena, como colares, brincos, pulseiras, diariamente, e em ocasiões especiais o cocar.

O presidente da Câmara Municipal, Márcio Cavalcante, considera a posse um fato histórico: "Ter na Câmara representantes do povo é um grande avanço, importante para a democracia", declara ele.

O prefeito do município, Carlos Felipe Bezerra, diz que "está sendo restituído um direito histórico com os índios, que são os verdadeiros donos desta terra" e sobre a grande votação do Índio Renato diz que "por meio da organização e mobilização as comunidades e classes conseguem os seus direitos".

"É válido experimentar pessoas de outras raças e saberes, pois às vezes fazem mais pelo povo do que os que têm experiência", diz a vendedora Cleide Araújo. O povo indígena está feliz e aguardando com muita expectativa a posse do seu representante e também a sua atuação durante estes quatro meses. Eliane Sousa, remanescente dos Kalabaça, acredita que o Índio Renato irá representar com dignidade e competência a nova função. "Ele vai ajudar ainda mais o seu povo, pois já ajuda muito". A tupinambá Maria de Fátima Ferreira diz que todas as etnias são unidas e que "ele vai melhorar a nossa vida, tenho certeza". Sua mãe, Helena, está feliz, porém temerosa. "É novo em nossa vida e o desconhecido sempre dá um pouco de medo".

Com todas essas opiniões e expectativas, Renato continua sua vida normalmente: dá aulas todos os dias na Escola Indígena, cursa História pela Universidade Vale do Acaraú (UVA), faz seus contatos como líder no movimento indígena, cria, junto com a esposa, os dois filhos e nos fins de semana vai para a Mambira, aldeia dos Potiguara, no Distrito de Ibiapaba.
MAIS INFORMAÇÕES 
Câmara de Vereadores do Município de Crateús
Sertão dos Inhamuns
(88) 3691.2211

Silvania ClaudinoEspecial para o Regional

quarta-feira, maio 26, 2010

ADRIANO NA INFRA-ESTRUTURA

Todos acreditavam que o Vereador Adriano das Flores, assumiria a Secretaria de Meio Ambiente,
mas vai mesmo é assumir a Secretária de Infra-Estrutura, substituindo a Dra. Mikelly por 04 (quatro)
meses, período em que pediu licença para que o Suplente Índio Renato assumisse, para cumprir um acordo firmado no PCdoB, segundo o seu Presidente o Sr. Cotiaba.

ANÔNIMO ME ENVIOU ESTA NOTICIA




ATENCÃO CRATEUS O DEPUTADO HERMINIO RESENDE FOI ASSALTADO, CHEGANDO NA ASSEMBLEIA. MAS COMO DIZ O DITADO LADRAO QUE ROUBA LADRAO TEM 100 ANOS DE PERDÃO. NILOS BOTE ESSA MATERIA NO SEU BLOG FICAREI AGUARDANDO
26 de maio de 2010 07:26  

ARNALDO MINELVINO MAIS UMA VEZ


O vereador Arnaldo Minelvino,  amanhã terá uma audiência no ministério público com o Dr. Gustavo, para fazer algumas denuncias contra a Administração Vida Nova.

EMANCIPAÇÃO DA IBIAPABA - A BATALHA FINAL


Hoje pela manhã saiu com destino ao Distrito de Ibiapaba, uma comitiva, pra mostrar o distrito ao Sr. Souza Bastos Empresário de Taua, para  ver a possibilidade da instalação de Posto de Combustível, naquele Distrito porque segundo os mentores desta emancipação só esta faltando um posto de Combustível, pra preencher os requisitos necessários para passar a Cidade.

ME ENGANA QUE EU GOSTO!!!!!!!!!!!!!!

terça-feira, maio 25, 2010

ADRIANO SAI DO FLAMENGO


Adriano pede liberação imediata do Fla 

para agilizar acerto com Roma


Atacante quer viajar para a Itália nesta semana e descansar. Ele não vê motivo para ‘despedida’ do Flamengo

Adriano no treino do FlamengoAdriano no treino do Flamengo de segunda
(Foto: Ag. Estado)
O contrato termina dia 30 de maio, mas na reunião desta terça-feira, o empresário de Adriano, Gilmar Rinaldi, pedirá ao Flamengo a liberação imediata do atleta. O motivo é simples: apesar dos conselhos que recebeu, o Imperador não vê motivos para ficar mais cinco dias no Rubro-Negro sem entrar em campo. Considera que participar do Fla-Flu e da partida contra o Grêmio, sábado, seria injustificável, já que não permanecerá no clube no segundo semestre.
Ele quer o consentimento oficial do clube para viajar à Itália, assinar contrato com o Roma e voltar ao Rio de Janeiro para um período de descanso. Durante a pausa para a Copa do Mundo, o jogador ficará alguns dias na região da Sardenha, também em território italiano, na companhia de jogadores rubro-negros.
Como revelou Petkovic, Adriano planeja ficar dois anos na Europa. A ideia é reconquistar a fama internacional de Imperador e mostrar que deu a volta por cima. Para provar que a motivação não é financeira, mas esportiva, ele recusou uma proposta do Qatar que lhe renderia US$ 17 milhões (R$ 30 milhões) em dois anos.
Caso Patrícia Amorim firme posição de segurar o Imperador até o fim do contrato, dia 30, Adriano seguirá comparecendo ao clube para treinar, mas não entrará mais em campo. Ele agendou para a tarde desta terça-feira a despedida oficial dos companheiros confiando no que considera bom senso da presidente.

O SONHO DE MÁRCIO CAVALCANTE FOI ADIADO



Domingos Filho, presidente da Assembleia, fez o anúncio dos distritos 
Falta a realização do plebiscito e a definição  da Lei que autoriza o Estado a criar novos municípios
O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Domingos Filho (PMDB), anunciou ontem, no fim da tarde, em seu gabinete, a lista de 19 dos 57 pedidos de emancipação de distritos, encaminhados ao Legislativo desde o início do ano, que estão aptos a tramitar por terem conseguido preencher os requisitos exigidos pela Lei estadual seguirem em tramitação na Assembleia, após reunião dos deputados que compõem o referido colegiado. Já os demais distritos foram reprovados nos critérios de população, econômico-financeiro e infraestrutura.

No caso dos que foram rejeitados por falta de infraestrutura, Domingos disse que as pendências estavam na ausência de equipamentos comerciais, como exige a legislação. Eles ainda tiveram um prazo de 15 dias para que revissem a situação. Pecém, distrito de São Gonçalo do Amarante, onde fica o porto com o mesmo nome, é um dos distritos que não preencheram o requisito da infraestrutura.

Segundo o presidente da Assembleia, os pareceres favoráveis aos 19 distritos deverão ser publicados na edição de hoje do Diário Oficial do Estado (DOE), a fim de que os mesmos sejam lidos no plenário da Assembleia Legislativa, amanhã, e encaminhados às comissões técnicas para apreciação e, posteriormente, deliberação no plenário.
Decretos

Acontecendo tal processo, os pedidos são convertidos em decretos legislativos e encaminhados ao Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE/CE), para que este prepare os processos de plebiscitos dos distritos que querem se emancipar dos respectivos municípios, com o intuito de saber se as populações destas regiões são ou não favoráveis ao desmembramento.

"Após o plebiscito, o resultado é encaminhado à Assembleia e é convertido em projeto de Lei para a criação do novo Município, e, com a aprovação, segue para a sanção do governador", explicou o presidente da Comissão de Triagem, Elaboração de Projetos e Criação de Novos Municípios do Ceará, Luiz Carlos Mourão.

Indagado se, caso os plebiscitos para emancipações possam ser realizados ainda na eleição deste ano, quem irá pagar a conta, pois o TRE-CE apenas estima os gastos que terá que fazer para adaptar as urnas eletrônicas, Mourão explicou que o governador Cid Gomes (PSB) garantiu que, se a Assembleia Legislativa, precisar de crédito suplementar, o Executivo assim irá fazê-lo para o Legislativo.

Antes mesmo da definição sobre a realização dos plebiscitos, ainda há que ser decidida a questão da constitucionalidade ou não da Lei que permite a Assembleia criar novos municípios no Estado do Ceará.

O primeiro questionamento foi levantado pelo deputado Heitor Férrer (PDT), sob a alegação de que não há a Lei Complementar Federal determinada pela Constituição Federal para que os Estados possam ter competência de criar municípios.
Distritos

Ao todo, os 19 distritos que atenderam todos os requisitos (população, viabilidade econômica e infraestrutura) foram Jurema (Caucaia), Pajuçara (Maracanaú), Antônio Diogo (Redenção), Santa Tereza do Trici (Tauá), Mineirolândia (Pedra Branca), Ponta da Serra (Crato), Palestina (Mauriti), Santa Felícia (Acopiara), São João do Aruaru (Morada Nova), São Pedro do Norte (Jucás), Sucesso (Tamboril), Nova Floresta Feiticeiro (Jaguaribe), Itapebussu (Maranguape), Amanari (Maranguape), Juritianha (Acaraú), José de Alencar (Iguatu), Iguape (Aquiraz), Lisieux/Macarau (Santa Quitéria) e Parajuru (Beberibe).


Monte nebo e Ibiapaba estão Fora !!

segunda-feira, maio 24, 2010

AS RAZÕES DO MAL



A procuradora Vera Lúcia, acusada de torturar a menina que pretendia
adotar, tenta justificar sua crueldade culpando a criança. Uma testemunha 
afirma que ela também batia na mãe. Como uma bruxa má, não
demonstra nenhum arrependimento e sua lógica é a da desrazão



A PROCURADORA VERA LÚCIA
admitiu ter chamado T.E. de "cachorra": "Ela estava se recusando a comer e ainda por cima sujava a roupa toda de leite. Perdi a paciência"

PARÓQUIA DA IMACULADA CONCEIÇÃO OFICIALIZADA HOJE


A meta da Diocese de Crateús é abrir novas frentes de missão evangelizadora, com novos agentes pastorais
Crateús. Criada através de decreto do bispo da Diocese de Crateús, Dom Jacinto de Brito Sobrinho, a Paróquia da Imaculada Conceição terá sua criação oficializada hoje, em clima de festa e devoção. A programação consta de procissão a partir das 18 horas saindo da Igreja Matriz do Senhor do Bonfim, no centro da cidade, com destino à Igreja da Imaculada Conceição, localizada no bairro Cidade Nova. Na ocasião, o bispo de Crateús vai oficializar a nova paróquia.

Contando com uma bela arquitetura, a expectativa é de que a Paróquia da Imaculada Conceição atraia um número maior de fiéis e se transforme em mais um centro de peregrinação no Ceará.

O objetivo é abrir novas frentes de missão evangelizadora nesta região, com a contribuição de novos agentes pastorais. Segundo o bispo, com o desmembramento será possível "promover uma melhor assistência pastoral", visto que atualmente a Paróquia do Senhor do Bonfim possui uma área de atendimento bastante extensa.
Trabalho pastoral

Crateús terá agora duas paróquias: a Paróquia do Senhor do Bonfim, criada em 1832, e agora a Paróquia da Imaculada Conceição. A nova paróquia terá como matriz a Igreja da Imaculada Conceição, com abrangência de 10 bairros e 52 comunidades na zona rural. Será composta pelas igrejas de São Francisco, Santa Terezinha e São Vicente.

O padre Roberto Carlos Felipe, mais conhecido como padre Beto, será o pároco e o padre Adenilson Baltazar será o vigário paroquial, ambos vindos do Sul do País. São da Congregação dos Padres Marianos da Imaculada Conceição. A Paróquia do Senhor do Bonfim, cujo pároco é o padre Davi Silva, ficará com as igrejas de Nossa Senhora de Fátima, Santa Rita, Santa Luzia e Santo Expedito, além de atender a outras 46 comunidades rurais.

Há uma grande expectativa por parte da Diocese e dos fiéis que a Igreja se torne um santuário, já que é tida como um dos maiores e mais belos templos de religiosidade do Estado do Ceará. A igreja já vem recebendo, inclusive, visitas de católicos da região e de outros Estados, com frequência. Apresenta uma moderna arquitetura e muitos destaques no seu aspecto físico, além de possuir um espaço amplo de oração, com capacidade para 1500 pessoas. Por essas características e por ser a Imaculada Conceição padroeira da Diocese, há uma expectativa de que em um futuro próximo a igreja se torne um Santuário Diocesano.
Paróquia
De acordo com a Igreja Católica, paróquia é uma determinada comunidade de fiéis, constituída estavelmente numa determinada Diocese e seu cuidado pastoral é confiado ao pároco, como o seu pastor próprio, sob a autoridade do bispo diocesano. O Documento de Aparecida, publicado em 2007 durante a visita do papa Bento XVI ao Brasil, diz que as paróquias se transformam em comunidades evangelizadoras e missionárias, para acolhida dos fiéis.
Silvânia ClaudinoEspecial para o Regional
MAIS INFORMAÇÕES
Diocese de Crateús
Rua Firmino Rosa, 1064
(88) 3691.2207
Crateús-CE

domingo, maio 23, 2010

AQUI TEM DOMINGOS FILHO




COMO FALOU MONTEZUMA NO SEU BLOG.

NOVO ORIENTE TEM SARGENTO HERMINIO, TAMBORIL, GENERAL SAMPAIO E CRATEÚS ????


CARO MONTEZUMA AQUI TEMOS - DOMINGOS FILHO !!!!!!



DILMA E SERRA EMPATAM NA CORRIDA PRESIDENCIAL

Os pré-candidatos à Presidência Dilma Rouseff (PT) e José Serra (PSDB) aparecem empatados na pesquisa realizada pelo Datafolha e publicada pelo jornal Folha de S.Paulo, neste sábado, 22. Cada um soma 37% da preferência do eleitor. A pré-candidata Marina Silva (PV) segue em terceiro lugar, com 12% das intenções de votos. 

A petista teve uma alta de sete pontos percentuais – de 30% para 37% -, na comparação com a última pesquisa Datafolha, realizada em 15 e 16 de abril. Já o tucano caiu cinco pontos, saindo de 42% para os mesmos 37%. 

FICHA LIMPA DIVIDE OPINIÕES


Após mudança na redação final do projeto, a dúvida é se a matéria precisa ser votada novamente pela Câmara
Brasília. O senador Cristovam Buarque (PDT-DF) afirmou que a redação final do projeto Ficha Limpa não servirá para "passar a mão na cabeça" de candidatos com problemas judiciais. O senador Francisco Dornelles (PP-RJ) apresentou uma emenda de plenário ao projeto, estabelecendo que a proibição para que pessoas com condenações por colegiados se candidatem a cargos eletivos só valerá para sentenças proferidas após a promulgação da lei.

O Senado interpretou que a emenda muda apenas a redação do artigo, e não o mérito. Com isso, não precisaria voltar à Câmara para nova votação. Deputados que participaram da mobilização pela aprovação da matéria, no entanto, têm avaliação diferente. Pela emenda, mesmo os poucos casos que seriam atingidos pela proposta poderão se candidatar, como o deputado Paulo Maluf (PP-SP), que é do mesmo partido de Dornelles.

Cristovam disse concordar com as declarações dos senadores Demóstenes Torres (DEM-GO), relator da matéria na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), e Dornelles, de que não houve "golpe linguístico". No entanto, ele questionou o fato de ninguém ter percebido que a mudança na redação geraria incertezas. "Como é que nós, 81 senadores, com centenas de assessores, não percebemos que essa mudança geraria dúvidas?", questionou.
Impunidade
O senador Pedro Simon (PMDB-RS), por sua vez, admite que o projeto ainda não é o ideal. Ele acredita que, apesar de ser pouco abrangente, tem a relevância ímpar de ter rompido a barreira e mexido na tese de que o Brasil é o país conhecido pela impunidade na política. "Não acabamos com esta tese, mas começamos uma caminhada que pode ajudar a chegar lá: um país onde gente séria fica na política e gente corrupta fica de fora".




LIMITES ENTRE ESTADOS ESTÁ EM DEBATE NO CN


A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) da Câmara Federal deverá apreciar, nos próximos dias, um projeto de Decreto Legislativo, de autoria do deputado cearense Raimundo Gomes de Matos (PSDB) que convoca plebiscito para formalizar as divisas territoriais entre os estados do Ceará, Piauí e Rio Grande do Norte. Com a aprovação do projeto, pela Comissão de Finanças e Tributação da Casa, o deputado cearense contactou o Governo do Estado para ter acesso aos estudos já elaborados sobre a questão.

Embora o tempo esteja escasso para que o projeto seja sancionado e o plebiscito ser promovido já nas eleições de 2010, Gomes de Matos assegura que a mobilização feita por ele e outros parlamentares que entendem a urgência da questão pode apressar a aprovação do projeto na Câmara e no Senado. "Vou levar os estudos para mostrar e vamos reforçar a necessidade de definir a questão", disse.
Limites

O estudo, ao qual o Diário do Nordeste teve acesso, destaca que a indefinição dos limites entre os municípios de Ceará e Piauí tem causado, historicamente, uma série de problemas que estão sem resolução por pura falta de mobilização e entendimento entre os estados para solucionarem a questão.

A incerteza sobre a localização política tem criado litígio entre os municípios; dificuldades das administrações estaduais e municipais com relação as competências em termos de prestação de serviços públicos; eleitores cadastrados em um Estado, mas que residem no outro Estado. Além de imprecisão do cálculo do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), que afeta diretamente os serviços, e distorções nos dados estatísticos dos Estados.

Ainda, segundo os dados, apenas um decreto de 1880 e um atlas de limites do IBGE de 1937, que nem foi transformado em Lei pelo então presidente Getúlio Vargas, são as bases para a formatação da linha imaginária que separa os estados.

O estudo mostra ainda que uma área territorial superior a 14 mil km², do lado do Ceará, e 15 mil km² no Piauí, está sob indefinição absoluta o que tem causado problemas para 167 comunidades localizadas nestas áreas, em 13 municípios cearenses e 8 cidades do Piauí.

O caso que mais chama atenção no lado do Ceará é o Município de Poranga. Pelo mapa, o espaço entre uma linha imaginária e outra, intervalo onde está compreendido o litígio, tem 66% do território deste Município cearense. Ao todo são 36 distritos e comunidades atendidas por aquela administração municipal que estão compreendidos em uma área que, no papel, ninguém pode confirmar a quem pertence se a Poranga (CE) ou Buriti dos Montes (PI).

Diante da gravidade do problema, o deputado Gomes de Matos levou o estudo a Brasília para tentar colocar o projeto em votação. Ele mesmo, entretanto, reconhece a dificuldade de se aprovar a medida para valer em 2010, autorizando o Tribunal Superior Eleitoral a proceder o plebiscito em todas as comunidades envolvidas para que a população decida.